MAIS ACTUAL BLOG

Rui Costa Pinto - Jornalista/Editor/Publisher

quarta-feira, novembro 22, 2017

Revolução em Angola

Santana e... Dark matter

Pedro Santana Lopes, enquanto liderou o XVI governo constitucional, entre 2004 e 2005, foi sovado e até enxovalhado por tentar implementar um (novo) estilo, enfrentando quem o colocou no lugar de Durão Barroso. Agora, da paisagem negra dos incêndios ao descongelamento de carreiras dos professores... Só mesmo diálogo e pactos! Lançar a escada para dar uma mãozinha, ainda antes da eleição do próximo líder do PSD... É no mínimo "matéria escura"... E lá se foi o "Menino guerreiro"! Como recordou Ana Sá Lopes. Chá e bolinhos? Passo!

Progressão rosas, senhor

Vítimas do seu sucesso?

Rastreios e outro direito a escolher

Não é abstrato. O Governo está isolado na sua minoria

What else?

terça-feira, novembro 21, 2017

Os benefícios da legalização da canábis

Passos ainda está vivo

«Governo PS é que congelou carreiras e determinou que tempo não contaria».

Mentira e arrogância: em abstracto

A mentira tem sempre perna curta. Obviamente, o tempo encarregou-se do desmentido cabal. E não foi preciso esperar muito. A declaração de António Costa não poderia ser mais cristalina: «"É impossível" refazer a história com uma recuperação das carreiras». Dito isto será que Pedro Passos Coelho podia refazer a história depois da bancarrota deixada pelos socialistas? Em abstracto, está claro!

Futuro do PSD: o “partido tamagotchi”?

Parece que acabou a festa do dinheiro

Os intangíveis da Web Summit

A ilusão mais perigosa

O Estado e a verdade

What else?

segunda-feira, novembro 20, 2017

A traição da tralha socrática

«Serão precisos mais exemplos? A ‘tralha socrática’ está hoje toda no poder».

Ministro cool


A seca e as criancinhas: com humor.

Em busca de um Governo perdido

Centeno no Eurogrupo iria perturbar a geringonça

O que se come nas escolas

Adeus, maioria absoluta?


Saque para chapa gasta


"De Portugal para a Europa"

What else?

domingo, novembro 19, 2017

Culpas e desculpas

Descarbonizar é preciso

Votar o futuro da Saúde da nação

O louco da colina

É difícil comer cabrito vivo

Roleta russa

«Claro que, no meio desta roleta russa, a economia pode rebentar. Mas também não há drama: o dr. Costa sai de cena e a 'direita', essa malvada, poderá mostrar novamente o seu rosto desumano».

Pantomina e... Consciência

Se não se pode repor, já, a mais elementar justiça em relação aos funcionários públicos, então promete-se para mais tarde! A pantomina já começou. E só nos resta o despertar e a força da consciência. É que a mentira, só aos mentirosos prejudica.

What else?

sábado, novembro 18, 2017

#palavrinhas

Estado Velho

Tudo isto é enfado


Amar com obras e não com palavras

O perfume do impeachment

O caso Sócrates e a cegueira quase coletiva

É Sábado! What else?

sexta-feira, novembro 17, 2017

Clemente e católicos chocados

As últimas declarações do Cardeal-Patriarca, sobre as admissões nos seminários, confirmam que a Igreja Católica portuguesa continua ignorante, preconceituosa e reaccionária, contrariando a esperança que muitos católicos depositaram na escolha de D. Manuel Clemente.

Comboio em marcha atrás

O Estado que nunca falha a sacar impostos

Desculpa no país à beira-mar (des)plantado

Entramos, definitivamente, na era da banalização do pedido de desculpa para evitar o cumprimento do princípio da responsabilização política. 

Chapa dada, chapa tirada

Quarenta tiros

«As mortes por ação da PSP e GNR são uma fatura demasiado elevada».

Tudo se paga

What else?

quinta-feira, novembro 16, 2017

Angola e Marcelo

Dada a evolução do que se está a passar em Angola, Marcelo Rebelo de Sousa não tardará a enviar um telegrama de felicitações ao presidente João Lourenço. Resta a dúvida se o fará em nome pessoal ou em nome de Portugal.

Máfia de Braga. Ministério Público pede 25 anos

«Homens estão acusados de raptar empresário à frente da sua filha menor e de o matarem antes de dissolverem o corpo em ácido».

Santos da casa deixaram de fazer milagres

Mortos pelo Estado, mortos por nós

Há mais doentes com superbactéria

PGR e DCIAP devem explicações

Semba de roda

«TPA vai ser retirado à Semba, empresa dos filhos de Eduardo dos Santos».

What else?

quarta-feira, novembro 15, 2017

Democracia: a diferença

A agressão de cidadãos a polícias é um crime. E o espancamento de cidadãos por parte de agentes das polícias e das seguranças privadas também é crime. Se o primeiro é inaceitável, então o segundo é ainda mais abominável, porque também implica abuso de força/poder no exercício de funções. Não compreender esta diferença, é não compreender a Democracia.

Vanessa. Retomar a conversa no sítio onde se deixou

Isabel dos Santos exonerada da Sonangol

O espetro de Maria de Lurdes assombra Costa

Diga Fizz

«Novos avanços e recuos no caso que envolve a elite angolana».

A memória e os mortos

Europa falha

A União Europeia não conseguiu chegar a um acordo para melhorar as suas regras para combater a lavagem de dinheiro, depois de meses de negociações em torno da revisão da directiva que previne o branqueamento de capitais. Depois da revelação dos "Paradise Papers", nada mudou na Europa...

Assim se vê a força do PCP

Vénus e Júpiter alinharam-se no céu.

What else?

terça-feira, novembro 14, 2017

Tecnoforma de regresso

Portugal sem limites

Enquanto se vão somando mortes por legionella, o ministro da Saúde pediu desculpa. Solenemente! O presidente da República aplaudiu e segue o bailete. O primeiro-ministro continua a assobiar para o lado. Os partidos da maioria de esquerda fazem declarações pias. E a oposição não consegue vincar o signado do que se está a passar na Saúde. Onde é que vai parar este país com governantes sem um pingo de vergonha política? É Portugal sem limites...

A Europa do futuro

A Disneylândia é aqui

A austeridade nunca chegou aqui

Que leva Trump a humilhar Putin?

Um governo de mortos-vivos políticos

«Os actuais governantes formam um grupo unido por velhas amizades e até por parentescos (maridos e mulheres, pais e filhos). Chegaram aos lugares da frente depois da queda do Muro de Berlim. São a geração da chamada Terceira Via. Nunca sofreram dos escrúpulos ideológicos de “homens de esquerda”, como Manuel Alegre. São clubistas, mas não doutrinários. Para eles, a política só faz sentido no governo. A fim de lá chegar, estão prontos para tudo, como se viu em 2015, quando, após perderem as eleições, aproveitaram a disponibilidade dos inimigos históricos da actual democracia europeia para formarem uma maioria parlamentar. A acreditar nalguma coisa, acreditam nos maquinismos do poder. A sua maneira de governar consiste, por isso, em ocupar o Estado, manipular a comunicação social, controlar bancos e empresas. José Sócrates é, a esse respeito, muito mais representativo desta geração do que agora lhes convém admitir».

Reitor me confesso

Centeno e... Fuga

Aproxima-se ciclo com taxas de juro mais elevadas. Quem o diz é Mário Centeno. No seu melhor. Antes de se pirar?

Legionella e... Bandalheira


O número de mortos subiu para três. E o número de infectados aumentou para 43. E o governo e o ministro da Saúde continuam a reagir. E o hospital São Francisco Xavier permanece aberto.  E a bandalheira continua...

What else?